4 erros que te impedem de prosperar

Pr Gerson Costa explica que a prosperidade só pode se manifestar externamente, se nós já a carregamos internamente

Luis Felipe/CN

Quando eu era menino, sempre desejei ser rico, mas meu pai me dizia que eu ficaria doente, se ficasse pensando assim.
Como alguém que liga um carro e engata a marcha, mas não consegue sair do lugar por causa do freio de mão puxado, muitas vezes, empenhamos tantos esforços, mas parece que há algo amarrando nossas finanças.

Amado, acima de tudo, faço votos por tua prosperidade e saúde, assim como é próspera a tua alma. 3 João 1:2

João está dizendo que nós carregamos algo, que precisa ser externado.

Olhando para a vida de José, vemos que, mesmo antes de ser colocado como governador do Egito, ele carregava a prosperidade dentro de si. Apesar de estar na posição de escravo, na casa de Potifar, ele não vivia como escravo, mas como alguém próspero. Para os homens, prosperidade é “ter”, mas, para Deus, prosperidade é “ser”. Alguém próspero internamente é como uma forte corrente de águas represadas. Em dado momento, elas irão romper.

José não possuía nada demais, apenas uma túnica diferente. No entanto, essa túnica diferente, apontava um futuro diferente. A amostra dos indícios do seu deslanche, pode provocar ciúmes e inveja. Pessoas tentarão te parar, mas, assim como quando José ainda escravo, Deus o chamou de próspero, porque antevia seu futuro, absolutamente nada poderá te parar.

Saiba que nós não precisamos precisar, para Deus nos dar algo. Somos filhos e o deleite de um pai é satisfazer sua prole.
João diz para Gaio: você precisa ser prospero por fora, assim como é próspero por dentro.
Eu, apesar de carregar a prosperidade dentro de mim, passei por muita dificuldade, durante muitos anos. Eu ficava confuso porque minha realidade interna conflitava com a realidade externa. Ouça isso: a sua vida pode te confundir agora, mas Deus conhece o seu futuro.
Da mesma forma que a escassez na minha vida, foi apenas uma estação, as portas do céu se abrirão e chuvas de bençãos se derramarão sobre você!
A alma é composta por pensamentos, desejos e emoções. Então, se a prosperidade começa na alma, ela terá que passar por essas três esferas.

Você deseja a prosperidade?

Alguns dizem não querer nada, mas, por que desejar menos daquilo que Deus quer nos entregar? Entenda que nunca iremos além do que desejamos.
No céu há ruas de ouro e portas de pedras preciosas. Deus está acostumado com o melhor, logo, Ele não vai querer nada menos do que o melhor para os seus filhos.
Ele tem prazer em nos promover. A Bíblia diz que Ele faz o pobre e necessitado passar por etapas de sucesso, até que se sente com os governantes do povo.

Muitas vezes, o que pensamos que somos, não combina com a grandeza que Deus projetou para nós. Professe a prosperidade, até que ela se torne o grande projeto manifesto.
A conquista da prosperidade, também passa pelas emoções. Então, se você não controlar as suas emoções, elas irão destruir a sua prosperidade.

Davi se descontrola emocionalmente, quando Natã conta a história do homem que furtou a única ovelha do pastor. Ficou furioso e decretou morte, pois não sabia que esse homem era ele.
Por outro lado, podemos perceber o controle emocional de José, quando se encontra com seus irmãos. O perdão e a cura permitem o cumprimento do propósito de Deus: a plenitude da prosperidade. Apenas uma pessoa curada, tem a capacidade de usar suas riquezas conquistadas, para abençoar as pessoas que o feriram. José não prosperou para se vingar, mas para custear aqueles que o machucaram e alcançar um propósito eterno.

José contou seu sonho sem qualquer vergonha

A exposição de grandes sonhos tem o poder de revelar o que há no coração das pessoas.
Proteja-se. Guarde seus pensamentos. O diabo investe muito neles, pois sabe que a prosperidade começa por lá

Gerson Costa

O que impede a nossa prosperidade?

E veio outro, dizendo: Senhor, aqui está a tua mina, que guardei num lenço;
Porque tive medo de ti, que és homem rigoroso, que tomas o que não puseste, e segas o que não semeaste.
Porém, ele lhe disse: Mau servo, pela tua boca te julgarei. Sabias que eu sou homem rigoroso, que tomo o que não pus, e sego o que não semeei;
Por que não puseste, pois, o meu dinheiro no banco, para que eu, vindo, o exigisse com os juros?
E disse aos que estavam com ele: Tirai-lhe a mina, e dai-a ao que tem dez minas
. Lucas 19:20-24

  • Medo

O medo é um agente de satanás para bloquear o nosso futuro. No relato, todos os negociadores tiveram o seu investimento duplicado, menos aquele que teve medo.
Calma. Existe um prazo para chegar aquilo que é seu.
Parafraseando o texto que lemos: se você não receber aquilo que Deus quer te dar, essa prosperidade será transferida para outra pessoa. O que Deus entregou é para administrar e é para usar. Vença o medo, pois este sentimento, além de impedir o recebimento do que é seu, irá transferir o que você tem para alguém que seja ousado em crer.

  • O ato de gastar tudo o que ganha

O homem sensato tem o suficiente para viver na riqueza e na fartura, mas o insensato não, porque gasta tudo o que ganha. Provérbios 21:20

Deus não pode prosperar aquele que possui alta capacidade de endividamento. Deus abençoa, mas nós precisamos nos organizar para receber. Alguns não precisam do devorador, pois já se autodestroem. Não é sobre o quanto ganhamos, mas sobre o quanto gastamos. Então, organize-se!

  • Uma mentalidade religiosa sobre dinheiro

Para rir se fazem banquetes, e o vinho produz alegria, e por tudo o dinheiro responde. Eclesiastes 10:19

Quem quer, pode encontrar uma solução para os seus problemas. Você quer ser abençoado, então, faça a sua parte. Quando olhamos para a história de José, verificamos que Deus desejou abençoar sua família inteira. Na verdade, era para que os irmãos de José fossem governar as províncias, no entanto, como invejaram e tentaram matar o sonho de José, perderam a parte que lhes cabia.
A religião inseriu vários conceitos errados:

Dizem que o rico torna as pessoas soberbas e que elas tratam os outros com desprezo. Mas, será que não existem pobres soberbos?
Dizem que riqueza não traz felicidade. Será que a pobreza traz? Já viu alguém planejar ser pobre para alcançar a felicidade?
Dizem que a riqueza tem o poder de desviar as pessoas. Na verdade, não. A bíblia é clara, quando diz: Se alguém é fiel no pouco, também será no muito.

Luis Felipe/CN

Se a prosperidade tivesse o poder de nos fazer pecar, o diabo seria o primeiro a nos fazer prosperar

Gerson Costa

Perceba que o dinheiro é neutro

Ele tanto pode ser bênção, como pode ser maldição, dependendo das mãos de quem a usa. Apenas, assume a essência do dono, assim como a faca, que pode ser bênção nas mãos de um excelente chefe de cozinha e maldição nas mãos de um assassino.

Deus não está à venda. Ele não pode ser comprado. Mas, diz na sua palavra: por amor de vós, repreenderei o devorador, após a manifestação da fidelidade, nos dízimos e nas ofertas

Gerson Costa

O dízimo não está restrito à velha aliança

Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas. Mateus 23:23

A palavra “aquelas”, neste versículo, se refere à fidelidade na entrega do dízimo.

Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive. Hebreus 7:8

Um homem não precisa ser cristão para prosperar, mas muitos perdem tudo o que tem, porque não possuem a proteção de Deus contra o devorador.
Nós não entregamos nossos dízimos para pagar as contas da igreja. Entregamos nossos dízimos para nos proteger.

Veja o texto:

E a sua rival excessivamente a provocava, para a irritar; porque o Senhor lhe tinha cerrado a madre.
E assim fazia ele de ano em ano. Sempre que Ana subia à casa do Senhor, a outra a irritava; por isso chorava, e não comia.
Então Elcana, seu marido, lhe disse: Ana, por que choras? E por que não comes? E por que está mal o teu coração? Não te sou eu melhor do que dez filhos?

Então Ana se levantou, depois que comeram e beberam em Siló; e Eli, sacerdote, estava assentado numa cadeira, junto a um pilar do templo do Senhor.
Ela, pois, com amargura de alma, orou ao Senhor, e chorou abundantemente.
E fez um voto, dizendo: Senhor dos Exércitos! Se benignamente atentares para a aflição da tua serva, e de mim te lembrares, e da tua serva não te esqueceres, mas à tua serva deres um filho homem, ao Senhor o darei todos os dias da sua vida, e sobre a sua cabeça não passará navalha.
1 Samuel 1:6-11

Veja que em Siló, se entregavam as ofertas. Ana, todas as vezes irritada, saída daquele ambiente. No entanto, determinado ano, ela sai de um ambiente e entra em outro, prometendo uma grande entrega. Sua fé tocou o coração de Deus e Ana recebeu Samuel, o profeta. Ana, sendo mais que fiel, entrega o filho e muitas outras ofertas.

E Elcana, seu marido, lhe disse: Faze o que bem te parecer aos teus olhos; fica até que o desmames; então somente confirme o Senhor a sua palavra. Assim ficou a mulher, e deu leite a seu filho, até que o desmamou.
E, havendo-o desmamado, tomou-o consigo, com três bezerros, e um efa de farinha, e um odre de vinho, e levou-o à casa do Senhor, em Siló, e era o menino ainda muito criança.
E degolaram um bezerro, e trouxeram o menino a Eli.
1 Samuel 1:23-25

Luis Felipe/CN

Mais tarde, Ana recebeu muito além do que tinha pedido, porque nunca seremos capazes de superar Deus, na capacidade de dar. Ela foi abençoada com muitos outros filhos.
Então, seja fiel nos dízimos, entregue uma oferta para um novo romper, inicie algo novo em sua vida financeira e prove da fidelidade de Deus.

por Vanessa Ribeiro