Conquiste a sua montanha

Segundo o bispo JB Carvalho, antes de Calebe conquistar montanhas externas, ele conquista sua montanha interna. "Sua autoimagem é o seu retrato interior"

Jonathan Marclay/CN

Como o Senhor ordenara a Moisés, assim fizeram os filhos de Israel, e repartiram a terra.
Então os filhos de Judá chegaram a Josué em Gilgal; e Calebe, filho de Jefoné o quenezeu, lhe disse: Tu sabes o que o Senhor falou a Moisés, homem de Deus, em Cades-Barnéia por causa de mim e de ti.
Quarenta anos tinha eu, quando Moisés, servo do Senhor, me enviou de Cades-Barnéia a espiar a terra; e eu lhe trouxe resposta, como sentia no meu coração;
Mas meus irmãos, que subiram comigo, fizeram derreter o coração do povo; eu porém perseverei em seguir ao Senhor meu Deus.
Então Moisés naquele dia jurou, dizendo: Certamente a terra que pisou o teu pé será tua, e de teus filhos, em herança perpetuamente; pois perseveraste em seguir ao Senhor meu Deus.
E agora eis que o Senhor me conservou em vida, como disse; quarenta e cinco anos são passados, desde que o Senhor falou esta palavra a Moisés, andando Israel ainda no deserto; e agora eis que hoje tenho já oitenta e cinco anos;
E ainda hoje estou tão forte como no dia em que Moisés me enviou; qual era a minha força então, tal é agora a minha força, tanto para a guerra como para sair e entrar.
Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou aquele dia; pois naquele dia tu ouviste que estavam ali os anaquins, e grandes e fortes cidades. Porventura o Senhor será comigo, para os expulsar, como o Senhor disse.
E Josué o abençoou, e deu a Calebe, filho de Jefoné, a Hebrom em herança.
Portanto Hebrom ficou sendo herança de Calebe, filho de Jefoné o quenezeu, até ao dia de hoje, porquanto perseverara em seguir ao Senhor Deus de Israel.
E antes o nome de Hebrom era Quiriate-Arba, porque Arba foi o maior homem entre os anaquins. E a terra repousou da guerra.
Josué 14:5-15

Estamos em nosso ponto de avanço. Ouve-se o grito: Dá-me meu monte!
Mas, o que Calebe fez? Qual a sua importância? Qual foi o seu legado? O que ele fez de extraordinário?
Ele espionou o lugar mais alto, mais desafiador, verificou gigantes poderosos, inimigos maiores e, ainda sim, ficou animado.

Quais as características desse homem? O que podemos aprender?

Em primeiro lugar, ele tinha uma boa opinião acerca de si. Antes de conquistar montanhas externas, ele conquista sua montanha interna.
Sua autoimagem é o seu retrato interior. Se houvesse a possibilidade de se tirar uma foto de como você se enxerga, como ela sairia? Alguns se sentem invisíveis. Por isso, desconfiam dos presentes e derretem-se com os elogios.
Muitos lutam contra o sentimento de insignificância pessoal. Cultivam preconceitos, possuem sabotadores internos, que colocam minas em seu caminho. Importante entender que os nossos pensamentos, dirigem nossas vidas.
Alguns vivem para provar sua importância e trabalham um marketing publicitário, na tentativa de elevar a sua imagem.

Os nossos desafios revelam a percepção de quem somos

A tentação de Jesus, foi um teste de identidade: Se você é filho de Deus, torna as pedras em pães. Satanás coloca interrogações no eixo de quem somos: Pule do pináculo, mostre ao mundo que você veio do céu.

Nós somos donos das nossas ações, mas também, somos donos dos resultados delas. Derrotados arrumam desculpas e procuram os culpados das suas perdas

JB Carvalho

Vença sua montanha interior: Se conquiste

O primeiro alpinista a conquistar o monte Everest, disse: antes de conquistar as montanhas, devemos nos conquistar.

Conquiste aquilo pelo qual você luta

Calebe tinha um bom autorretrato, mas ele também, sabia o seu lugar. Alguns são invasivos e tecem críticas inapropriadas, fora de contexto. Quem critica, deveria fazer melhor do que aquele que está trabalhando.

Submissão é permissão para ser protegido

Tenha pressa de aprender, mas não tenha pressa de mandar. Atalhos terminam em derrota. Artifícios desonestos produzem vitórias artificiais. São castelos de areia. São meninos agitados por qualquer vento doutrinário.
A vida de Calebe evoluiu gradualmente. Ele andou no ritmo certo. A vida tem um compasso ideal. Não podemos ir rápido demais, nem devagar demais.

Expressamos nossas almas em nossos comentários, inclusive os que são postados nas redes sociais.
Quando dizemos “Pai Nosso” – sabemos que teremos provisão todos os dias. Então, não precisamos temer.

Calebe nos ensina a olhar para o alto

Apesar dos gigantes, ele grita: Dá-me meu monte! Aceite o caminho, mesmo que demande esforços e sacrifícios. Deus não nos chamou para estarmos seguros, com previsões, números previstos, circunstâncias estáveis. Cada ato de obediência, terá sua provisão. Deus nos chamou para fazer algo maior do que nós.
Se nos mantivermos na margem da segurança, teremos apenas o medíocre. Nossas forças não serão suficientes para as grandes conquistas, os gigantes são maiores, as cidades são fortificadas.
Deus usou a vara da mão de Moisés e destituiu cada deus, com cada praga liberada.

Mexa-se e faça com que os outros se mexam.

Crie um movimento em direção àquilo que você procura. Vá além das suas forças, além da comodidade. Só assim, você conhecerá o meu poder e o meu amor, diz o Senhor.
A esperança nasce quando focamos em quem Deus é e o que ele pode fazer. A inércia nos atrofia. Ficar parado enferruja. Então, invista em si, cresça em conhecimento, atualize-se.

Para conquistar sua montanha, você deverá livrar-se da carga extra. Dúvidas, medos, pecados e culpa pesam, sobrecarregam, impedem o sucesso.

JB Carvalho

Combata o bom combate da fé. Tome posse da vida eterna, para a qual você foi chamado e fez a boa confissão na presença de muitas testemunhas. 1 Timóteo 6:12

Josué estava velho, mas muito vivo. Há jovens se arrastando, desanimados e depressivos. Deixaram o seu retrato interior serem manchados.
Nosso chamado é para caminhar, passar, atravessar. Os hebreus poderiam efetuar a travessia rapidamente, mas deram muitas voltas no deserto, porque sentiam saudades do passado.
Para alguns, o avivamento, virou um monumento. São entusiastas do passado. Mas, o que a Bíblia diz?

O fogo arderá continuamente sobre o altar; não se apagará. Levítico 6:13

Não tenha saudades do antigo, mas do que Deus há de fazer no futuro

Grite: Dá-me meu monte, a geografia que me foi prometida!
Quem estaciona na primeira conquista, se deteriora. Ficar parado, estraga. Se o coração parar de bombear, morre. Sedentarismo, comodismo, alienação matam.
Lembre-se de Gideão, que vivenciou um poderoso milagre, presenciando a derrota de um poderoso exército, que veio contra os seus trezentos homens, mas terminou a vida estacionado.
Lembre-se de Davi, que quando estacionou cômodo no palácio, enquanto seus homens iam à guerra, sofreu grande derrota moral.
Nós somos chamados para a peregrinação, para uma vida em crescimento, em desenvolvimento.

Mas a vereda dos justos é como a luz da aurora, que vai brilhando mais e mais até ser dia perfeito. Provérbios 4:18

Estamos sempre melhorando, avançando, subindo a montanha, desafiando os gigantes e possuindo as promessas.

Calebe é um adulto maduro

Alguns envelhecem e não amadurecem. Há velhos amargurados, oferecendo maus conselhos.
Maturidade é assumir a responsabilidade pelos resultados. Ser adulto é crer que suas lutas são desafios de promoção ao crescimento. Vamos nos mover porque Deus nos comissionou.
Os perdedores repetem alguns comportamentos. Pessoas maduras mostram quem de fato são.
Só podemos pisar no sagrado, com os pés desnudos. Ao tirar os sapatos, Moisés ficou na sua real estatura. O grande desafio da vida humana é chegar à velhice, como um sábio. Calebe chega no final, sem reclamar. Ele apenas deseja o cumprimento da promessa. Então, com uma linguagem apropriada, ele pede a sua montanha.
No entanto, o povo de Israel estava com saudades dos infernos, dos carnavais. Como a mulher de Ló, alguns não podem prosseguir, porque ficam olhando para trás.
A covardia cria dificuldades que não existem. Com o medo, os problemas crescem além da realidade. Tudo o que é importante na vida tem um preço a ser pago. Calebe mantém a confissão da promessa e seu ânimo promove força contagiante.

Mas o justo viverá pela fé; E, se ele recuar, a minha alma não tem prazer nele. Hebreus 10:38

Abraão viveu pela fé, continuou crendo e dando glória. Assim, calou todas as dúvidas, calou a voz do inimigo. Você vai ver um novo mundo nascer, dando glória a Deus. É a paixão na alma. É a fé fortalecida por uma postura interna.
Por fim, Calebe subiu a montanha.

Nunca se sobe uma montanha sozinho. Sozinhos somos rápidos, mas apenas em equipes podemos ir longe. Boa parte daqueles que subiram montanhas sozinhos, morreram, mas um time, cuida uns dos outros. Não estou me referindo àqueles que são cúmplices de seus pecados, mas me refiro a pessoas tementes a Deus

JB Carvalho
Jonathan Marclay/CN

Para subir a montanha, precisamos nos amarrar uns aos outros

Mentoreamento é crescimento sem dor. É impossível viver no topo do monte o tempo inteiro. Podemos ir rapidamente, mas não para vivermos, pois o nível de pressão não nos permite isso. Pessoas que sempre querem viver na vertical, destroem as relações horizontais.
Quanto mais alto, mais descobrimos que perdemos a força, quanto mais perto do topo, mais dependentes somos.

Amplia o lugar da tua tenda, e as cortinas das tuas habitações se estendam; não o impeças; alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas. Porque trasbordarás à mão direita e à esquerda; e a tua posteridade possuirá as nações e fará que sejam habitadas as cidades assoladas. Isaías 54:2-3

Essa é a mensagem: Suba a geografia do seu destino!
Clame: Dá-me o meu monte!

Profético:

Vamos avançar, porque essa obra santa, ninguém detém. Ela será ampliada, aumentada, se estenderá. O nome para essa estação é: Calebe. Conquiste o seu interior, conquiste seus medos, seu orgulho, suas dúvidas, suas tentações, a capacidade de dizer “não” àqueles que não merecem habitar nos seus sonhos, aos que não subirão a montanha com você

JB Carvalho

Quem subirá o monte da unidade?

Há milagres acontecendo neste momento. Curas liberadas, demônios e opressões saindo. Seja livre dos medos, das ansiedades. Hoje Deus desafia: vá um passo adiante, um movimento à frente. Você estava estagnado, ferido, machucado. Hoje, há um movimento para te levar adiante. Deus oportuniza novos dias. Ele lança um desafio, para alcançarmos a nossa geografia, na conquista de promessas antigas. Deus renova o espírito, a força, a energia.

Com oitenta e cinco anos, Calebe tem uma força de jovem. Há uma força, uma fé, uma confiança e uma vida de milagres. Deus está ativando respostas, criando soluções. Conexões virão, recursos estão a caminho, uma multiplicação exponencial. A grandeza está batendo à porta. Deus diz: Posso te conduzir a sonhos inimagináveis, realizações improváveis.

Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, e não subiram ao coração do homem, são as que Deus preparou para os que o amam. 1 Coríntios 2:9

Deus está pavimentando o seu futuro.
Ele ordena: Suba a sua montanha.

por Vanessa Ribeiro