Viva como quem sabe o fim da história

"O Cordeiro e aqueles que com ele estão, vencerão. Não precisamos temer, pois somos vitoriosos. A Bíblia nos ensina a vivermos guiados pelos mandamentos e não pelos sentimentos", diz Pr. Lucinho Barreto

Lilian Lais/CN

A segunda noite do Imersão Total – Ungidos no amanhecer teve a participação especial do Pr. Lucinho Barreto.

Sua pregação foi inspirada em Apocalipse 17:14 – Estes combaterão contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá, porque é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis; vencerão os que estão com ele, chamados, e eleitos, e fiéis.

Lucinho destacou que, por diversas vezes, completou a leitura da bíblia, mas, certa vez, Deus o indagou: “Você gostou do fim da história? Prontamente respondi: Sim! Então, Ele me disse: Porque, por diversas vezes, você vive como se não conhecesse o fim? Precisamos entender algo: O fim da nossa história é extraordinário e, portanto, nós precisamos viver como aqueles que sabem como tudo vai terminar. Deus nos vê assim. Ele nos enxerga no nosso futuro próximo, o nosso futuro distante, inclusive o tempo em que andaremos pelas ruas de ouro, no céu“, disse.

A restrição mental nos faz ficar presos no Cronos

Segundo Lucinho, a humanidade vive limitada ao tempo e ao espaço. “Hoje, expanda seus pensamentos, porque Jesus há de dominar o mundo, através da igreja, por mim e por você! Tudo terminará com um reino inabalável. Traga essa realidade ao seu coração. O Cordeiro é vencedor! Ele tem o livro da história, em Suas mãos“, declarou.

Os reis da terra se levantam e os governos consultam juntamente contra o Senhor e contra o seu ungido, dizendo: Rompamos as suas ataduras, e sacudamos de nós as suas cordas. Aquele que habita nos céus se rirá; o Senhor zombará deles. (Salmos 2:2-4)

O nosso Senhor tem os reis da terra, na palma da mão! Nada foge ao seu controle

Pr. Lucinho Barreto

Tu o fizeste um pouco menor do que os anjos,De glória e de honra o coroaste,E o constituíste sobre as obras de tuas mãos; Todas as coisas lhe sujeitaste debaixo dos pés. Ora, visto que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou que lhe não esteja sujeito. Mas agora ainda não vemos que todas as coisas lhe estejam sujeitas. (Hebreus 2:7,8)

Existe hoje um alto índice de pessoas que carregam doenças emocionais. Elas foram possuídas pelo medo, no entanto, o único a quem devemos bater continência é Jesus. Ele sim, merece nosso respeito e temor. Este é o momento para sermos ousados, produzindo mais, manifestando os nossos dons. Não enterre seus talentos, pois os nossos dias são limitados. Aproveite cada momento, como se fosse a última oportunidade. O Cordeiro e aqueles que com ele estão, vencerão. Não precisamos temer, pois somos vitoriosos. A bíblia nos ensina a vivermos guiados pelos mandamentos e não pelos sentimentos“, disse.

Sabendo que, se o nosso coração nos condena, maior é Deus do que o nosso coração, e conhece todas as coisas. (1 João 3:20)

Barreto ressaltou ainda que Deus é a Palavra, e maior é a verdade da Palavra de Deus, que os sentimentos. “Obedeça aos mandamentos, independentemente dos seus sentimentos. Por vezes, não sentimos vontade de orar, mas precisamos agir de acordo com aquilo que cremos. Não fique com medo das más notícias“, pontuou.

Não temerá más notícias; seu coração está firme, confiante no Senhor. (Salmos 112:7)

Nós temos cartas na manga, nós carregamos um poderoso reino. O reino de Deus está dentro de nós! Portanto, não devemos ser reféns das más notícias. O Rei dos Reis já garantiu o nosso futuro. Não perca a sua fé, não mude a sua identidade, por causa de uma notícia ruim. Nós veremos todas as nações se curvarem diante do Senhor dos senhores“, afirmou.

Reveste-se de força e dignidade; sorri diante do futuro. (Provérbios 31:25)

O pastor ressaltou ainda que pode-se rir do futuro, crendo que será glorioso. “Lembre-se de Jó: seu fim foi melhor do que o seu começo. Nós teremos um final incrível, então, viva com esperança. Sorria, creia, continue caminhando, pois a maior verdade do mundo é que, ao final, Jesus vencerá! Quando acreditamos no fim vitorioso, focamos naquilo que é invisível e atravessamos qualquer circunstância contente. Vivemos bem e gratos, com o que temos, assim como testemunhou o Apóstolo Paulo”, disse.

Não estou dizendo isso porque esteja necessitado, pois aprendi a adaptar-me a toda e qualquer circunstância. Sei o que é passar necessidade e sei o que é ter fartura. Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando necessidade. Tudo posso naquele que me fortalece. (Filipenses 4:11-13)

Esse é um ano para vivermos contentes. Apenas, precisamos ser fiéis, até o fim. Então, não permita que uma pequena amargura brote e contamine o seu coração, pois, pequenos desvios, podem nos conduzir ao inferno

Pr. Lucinho Barreto

Aquele, porém, que continuar firme até o final será salvo. (Mateus 24:13)

Lucinho Barreto pontuou que todos os homens, em determinado período, passam pelo vale da sombra da morte. “A diferença é que nós, cristãos, passamos com Jesus. Ele está conosco, não precisamos temer! As ansiedades das cenas fortes, no meio do filme da nossa história, não podem nos afetar, pois já conhecemos como será o final”, disse.

E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. E ouvi uma grande voz do céu, que dizia: Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e o mesmo Deus estará com eles, e será o seu Deus. E Deus limpará de seus olhos toda a lágrima; e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E disse-me: Escreve; porque estas palavras são verdadeiras e fiéis. E disse-me mais: Está cumprido. Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim. A quem quer que tiver sede, de graça lhe darei da fonte da água da vida. Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho. (Apocalipse 21:1-7)

Lucinho destacou alguns pontos que só quem sabe o fim da história consegue fazer:

1) Não se guia por sentimentos. (I João 3:20) – Não seja guiado por sentimento mas por mandamentos. O cristão que sabe o fim da história, não vive de sentimento mas de mandamento. Tem hora que a gente vai orar e realmente não sentimos nada, mas a Bíblia diz que se orarmos, ele vai ouvir. A bíblia falou, eu creio, acabou! Tem gente super feliz caminhando para o inferno e crente que caminha para o céu se sentindo triste e sem sentido. Guie seu sentimento através do que diz os mandamentos.

2) Não teme más notícias. (Salmo 112:7) – Nós temos uma carta na manga. Temos o Rei que reina para sempre. O reino de Deus está aqui e já, aqui e agora. O próprio Jesus declarou: Venha o teu reino! O reino de Deus está vindo. Se quisermos, está aqui todos os dias. Não se deixe abalar facilmente pois o rei dos Reis já garantiu o seu futuro. Não deixe que notícias ruins modifiquem a sua identidade. Os filhos de Deus não podem deixar que sua identidade seja moldada de acordo com as más notícias.

3) Ri do futuro. (Provérbios 31:25) – O futuro será glorioso! Seja feito conforme a sua vontade. Que se faça conforme sua fé, foi o que Jesus disse. Goste do seu futuro, olhe para ele e goste do que você vê. Lembre-se: vencerá o cordeiro! Ele já venceu! Sorria diante do futuro e olhe para ele com esperança. Acabe com seu pessimismo. Por quê o evangelho significa boa notícia? Porque ele te faz sorrir diante do futuro. Se as coisas estiverem dando errado, continue acreditando, continue fazendo. No mundo tereis aflições, mas Ele venceu! Esse ano, é ano de decisão. Você vai ter que decidir, escolher o seu futuro. Escolha o lado de quem já venceu. O triste do mundo é que os sábios estão em crise, os idiotas estão em paz. Qual é a maior verdade do mundo? Vencerá o cordeiro! Quem vencer, não vai vencer por si mesmo, mas porque já venceu o cordeiro. Assim como fez o ladrão arrependido na cruz. Ele venceu porque estava com Cristo. Em II Co 4:18 diz que tudo aquilo que se vê é transitório, mas o que não se vê é eterno. Comece a ver o invisível e pare de ver só o que é palpável.

4) Tenha contentamento. (Filipense 4:11) – Paulo era uma rocha inabalável. Ele soube passar pela escassez e abundância, soube se adaptar às circunstâncias. Esse não é o ano da escassez, de chorar ou de morrer. É ano de colher, de abundância, de contratar, de prosperar. Porém, há uma condição: Ser fiel. Seja fiel! É só isso que precisamos fazer. Está escrito: e quem perseverar até o fim, será salvo. Se eu perdido, posso me entregar a Cristo e ser salvo, o contrário também é verdade.

Seja fiel

E finalizou convidando os presentes a olharem a vida de José: “Quanto mais fiel, mais problema ele tinha. Jesus nos avisou que passaríamos por aflições. A diferença de um cristão e um não cristão, é que quando passamos no vale da sombra da morte, passamos com ele. Sabe quando queremos muito ver um filme que gostamos e alguém nos conta o final? Depois, quando vamos assistir, já não sentimos aquela ansiedade no meio do filme, querendo saber o que vai acontecer, porque alguém nos contou o final. Deus quer que sua ansiedade vá embora, pois você já sabe o final. Viva como quem sabe o fim da história. Coloque isso na sua mente. Declare: Se ele vai vencer, se ele tem a história nas mãos e eu sou fiel a ele, eu vou vencer!“, declarou.

por Thaline Sales e Vanessa Ribeiro
edição Tiago da Silva

Confira o vídeo da segunda noite do Imersão Total 2022 no Youtube